Fotos IBP

ADOÇÃO - Como tomar essa decisão?

Crianças e adolescentes podem ser adotados de zero até 18 anos, cujos pais sejam falecidos ou desconhecidos ou ainda que forem destituídas do poder familiar. Já os maiores de 18 anos dependerão do poder público para julgar a situação. Seguem alguns pontos a considerar:

 

  1. Tenha certeza da sua intenção:
  • Caso a atitude de adoção seja por dó ou compaixão, a dificuldade começa por aí.
  • A adoção é um ato de responsabilidade antes mesmo de um ato de amor e caridade.
  • A responsabilidade não é só de suprir as necessidades básicas, mas é deixar a criança segura de que a sua nova família está disposta a vencer os desafios com ela e por ela.

 

  1. Características de uma criança adotiva:
  • A criança sofre com a separação de sua antiga vida, seja qual for o motivo.
  • Na maioria das vezes, ela não confia nas pessoas.
  • Tem baixa autoestima e sente-se solitária.
  • Pode agir como uma criança difícil para testar seus pais adotivos.

 

  1. Como lidar em situações difíceis:
  • Nos momentos difíceis – crise, desobediência, birra, briga, etc, faça com que a sua autoridade de pai ou mãe prevaleça contra qualquer ameaça da criança.
  • Não se esqueça de que o amor, carinho e confiança devem ser mostrados para a criança no momento em que esteja usando a autoridade.
  • Ame! A criança adotiva vai sentir seu amor e aos poucos vai ceder a ele, mesmo que ela nunca tenha sido amada.

 

  1. Por que o processo de adoção é tão demorado:
  • Grande parte dos candidatos a pais adotivos manifesta o desejo de adotar um bebe que seja menina e de cor branca. Ocorre, porém, que a maioria das crianças em situação de adoção dificilmente tem essa característica.
  • É preciso respeitar o tempo e as medidas necessárias para que ocorra a destituição do poder familiar, que por sua vez ocorre através de um processo judicial.
  • São considerados casos de perda do poder familiar: castigar exageradamente o filho, deixar o filho abandonado, praticar atos contrários à moral e aos bons costumes, e descumprir medidas judiciais.

Caso você tenha interesse em adotar uma criança, você pode obter informações adicionais através do grupo de apoio “Conta de novo” pelo email: grupocontadenovo@gmail.com ou através da Vara da Infância e da Juventude no Foro Regional III - Jabaquara situado na Rua Joel Jorge de Melo, 424 – Vila Mariana – São Paulo.

Deus abençoe sua decisão!

 

Mary Estevam – Psicóloga